PUB
Site Logo

Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga com participação em Manual de referência mundial da Asma

14-6-2021, Região     726


Jorge Ferreira (Prof. Doutor), diretor do Serviço de Pneumologia do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga (CHEDV), participou no Comité Executivo do Guia Espanhol para o Manuseamento da Asma (GEMA 5.1), um manual de referência mundial para a doença.



O GEMA 5.1 é um Guia de Prática Clínica com o objectivo de disponibilizar conhecimento da Asma, destinado a profissionais de saúde, tornando-se uma ferramenta de trabalho útil para o aprimorar da actividade clínica independentemente da especialidade e do ambiente onde é desenvolvida a actividade.

Este manual, surge da aliança entre a Sociedade Espanhola de Pneumologia e Cirurgia Torácica (SEPAR) e de 16 sociedades científicas de Espanha, Portugal e América Latina, que participaram na elaboração do Guia, nas quais se inclui a Sociedade Portuguesa de Pneumologia (SPP), com o intuito de melhorar o controlo e a qualidade de vida das pessoas com asma, aumentando a formação técnica dos profissionais de saúde, em especial nos aspetos relacionados com a prevenção e avaliação diagnóstico-terapêutica da doença.

Trata-se de um documento independente, produzido por 17 sociedades científicas, considerado por muitos profissionais como "o manual de referência mundial para a doença em língua espanhola" e que nesta edição as novidades mais relevantes podem ser encontradas nos capítulos de "tratamento de manutenção da asma grave, "asma pediátrica" e "asma e COVID-19".

A asma é uma das doenças respiratórias mais comuns, estando presente um pouco por todo o mundo. Calcula-se que, no total, existam mais de 340 milhões de pessoas com asma, estando a sua prevalência a aumentar em muitos países, particularmente entre as faixas etárias mais jovens. Em Portugal, atinge aproximadamente 6,8% da população, o que corresponde a cerca de 700.000 doentes.

A asma é habitualmente definida como uma doença inflamatória crónica das vias respiratórias, influenciada em parte por fatores genéticos e caracterizada por uma história de sintomas respiratórios como pieira, falta de ar, sensação de aperto no peito e tosse, que variam ao longo do tempo e em intensidade.


PUB

zibiz.net