Site Logo

Em parceria com o Centro Hospitalar do Entre o Douro e Vouga
Câmara de S. João da Madeira lança programa inovador de prevenção cardiovascular

26-5-2021, S. João da Madeira     518


'Primus' é dirigido às crianças do pré-escolar e 1.º ciclo do ensino básico e a trabalhadores de empresas do concelho.

Foi lançado esta semana pela Câmara Municipal de S. João da Madeira o “Primus”, um projeto de prevenção cardiovascular com duas vertentes de intervenção: por um lado, junto das crianças do ensino pré-escolar e do 1.º ciclo do ensino básico e, por outro, destinado a promover a deteção e controlo de fatores de risco em trabalhadores de empresas do concelho.

Para a concretização deste programa, a autarquia sanjoanense assinou um protocolo de colaboração com o Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga (CHEDV) que contempla, em concreto, a “avaliação do impacto da atividade física em crianças do ensino pré-escolar e do primeiro ciclo do ensino básico do Município de S. João da Madeira” e “referenciação facilitada de doentes de muito alto risco cardiovascular a partir das consultas de Medicina do Trabalho de unidades fabris do Concelho”.

O documento foi assinado pelo Presidente da Câmara de S. João da Madeira, Jorge Vultos Sequeira, e pelo Presidente do Conselho de Administração do CHEDV, Miguel Paiva, numa sessão que decorreu no auditório do Museu da Chapelaria, onde estiveram também representantes das escolas do concelho, do agrupamento de centros de saúde da região, da Associação Comercial e Industrial e da empresa Cartonagem Trindade, entidades às quais a autarquia, pela voz da vereadora Irene Guimarães, agradeceu o envolvimento na iniciativa.

O projeto Primus segue-se a outras duas ações desenvolvidas no concelho na área da saúde desde 2018, nomeadamente o programa municipal de vacinação infantil contra o Rotavírus e a resposta de saúde oral no âmbito do Serviço Nacional de Saúde. “São medidas de saúde pública que o Município promove e que representam um programa municipal completamente inovador e voltado para problemas fundamentais das pessoas", como frisa o Presidente da Câmara.

Jorge Vultos Sequeira adianta ainda que "o programa Primus liga-se igualmente ao reforço da atividade física nas escolas do primeiro ciclo, com vista a combater o sedentarismo e a obesidade nos mais jovens, o que foi feito através da contratação de professores de educação física, pela Câmara Municipal, para coadjuvação dos professores titulares".

Por seu turno, o Presidente do Conselho de Administração do CHEDV destacou a importância do desenvolvimento de parcerias com as autarquias locais, que – como afirma – “conhecem bem o território” e “têm uma capacidade de intervenção direta junto de instituições, escolas e empresas”.

O Primus foi desenhado de forma a tirar partido de recursos que já estão no terreno, que são reorganizados com o objetivo de proporcionar as respostas necessárias neste âmbito, quer ao nível do setor da saúde, quer no que concerne à autarquia, sem acréscimo de custos. Dessa forma, é possível melhorar a resposta cardiovascular na região que, segundo foi revelado na assinatura deste protocolo, é ainda insuficiente, apesar da evolução que vem registando.

Rui Batista, Diretor do Serviço de Cardiologia do Hospital S. Sebastião, e Carla Araújo, médica cardiologista na mesma unidade de saúde, serão os responsáveis por liderar a execução deste projeto de prevenção de doenças cardiovasculares.


PUB

zibiz.net